Tratamento para Dependentes Químicos

Clínica evangélica para drogados

Clínica evangélica para drogados

A clínica evangélica para drogados recebe para tratamento pessoas com problemas no uso abusivo de drogas, cocaína, crack, álcool, fármacos e outras drogas que causam dependência física ou psicológica.
Nossos princípios da clínica evangélica para drogados baseiam-se na espiritualidade e conscientização dos problemas que levam ao consumo de drogas como fuga das questões que causam desconforto.
Na clínica evangélica para drogados sempre tem um momento no dia onde as pessoas são reunidas para o contato com Deus que cada um acredita, buscando preencher os buracos que a droga deixou e valores que incentivem uma nova forma de viver.
A clínica evangélica para drogados é conduzida pelo pastor e por profissionais especializados em tratamento as drogas, onde são acolhidas pessoas que precisam estar em local seguro para que haja a interrupção ao uso.
Psicólogo, psiquiatra, nutricionista, enfermeiro, terapeuta ocupacional, monitores e parte administrativa unem-se no tratamento em local próximo onde possibilita verificar os pacientes nas áreas importes para tratamento na clínica evangélica para drogados.
É preciso observar se a pessoa não consegue ficar sem usar pode ser preciso retirá-la do local onde faça uso para um local seguro onde não haja possibilidade em usar e iniciar o tratamento. A clínica evangélica para drogados foi criada para isso, onde as famílias possam confiar em acreditar na recuperação dos familiares.
Juntamente com a espiritualidade é preciso encontrar as questões que as pessoas façam uso de drogas, onde são usadas para fugir de seus problemas pessoais, assim a clínica evangélica para drogados realiza terapias com psicólogo e serão tratadas pelo psiquiatra aqueles que apresentarem doenças psíquicas, como a depressão por exemplo.
Entre em contato com a clínica evangélica para drogados que podemos ajudar e orientá-los. Informamos também que a clínica evangélica para drogados é vistoriada pela Anvisa, corpo de bombeiros e possui alvará de funcionamento.
Codependência

O sofrimento mental remete as pessoas a refletirem sobre diversos aspectos
emocionais, sociais, culturais e espirituais que se apresentam rotineiramente e
interferem na experiência dos envolvidos. Objetivou-se identificar as
características de co-dependência entre familiares de dependentes químicos.
Adotou-se o método descritivo, sendo aplicado um formulário com nove
familiares de pacientes dependentes químicos, internados pela primeira vez em
uma instituição psiquiátrica no período de março a agosto de 2007. Os dados
foram analisados em números absolutos e índices percentuais. Verificou-se
que todos os familiares desconhecem o quadro de co-dependência e acham
que apenas o paciente necessita de tratamento. Sentem-se responsáveis,
assim como culpados, penalizados ou ansiosos pelo mesmo. 66,67% tentam
mostrar para outras pessoas que são bons para o dependente; 77,78% têm
medo de errar em relação à pessoa e percebem que precisam mudar seu
comportamento, embora não saibam como ou não estejam conseguindo; 100%
sentem-se presos a esse relacionamento e continuamente estão ajudando a
pessoa internada, mesmo contra a vontade. Concluiu-se que todos os
entrevistados apresentaram características de co-dependência, ignoram que
sejam co-dependentes, desconhecem grupos de apoio e não procuram formas
de tratamento para si, apesar de 2 (22,22%) terem sugerido que se elaborasse
formas explicativas de como tratar e conviver com a pessoa portadora de
dependência química.
Ajuda
Sobre o Amor-Exigente
Desde 1984, a ONG Amor-Exigente (AE) atua como apoio e orientação aos familiares de dependentes químicos e às pessoas com comportamentos inadequados. Através de um eficiente programa de auto e mútua ajuda, o Amor-Exigente desenvolve preceitos para a reorganização familiar, sensibilizando as pessoas e levando-as a perceber a necessidade de mudar o rumo de suas vidas a partir de si mesmas, proporcionando equilíbrio e melhor qualidade de vida. Como diz o seu lema: torná-las CADA VEZ MELHOR!
Este programa, que há mais de 3 décadas funciona e dá certo, é praticado por meio de 12 Princípios Básicos, 12 Princípios Éticos, Espiritualidade Pluralista e Responsabilidade Social, através de reuniões semanais, cursos e palestras, sempre com a dedicação e comprometimento dos milhares de voluntários espalhados por todo o Brasil, Argentina e Uruguai.
Visando maior abrangência do seu movimento de proteção social, o Amor-Exigente expandiu seu programa, dando origem aos projetos especiais: Prevenção – visa desestimular a experimentação e uso de tabaco, álcool e outras drogas através de uma abordagem educativa junto a pais, avós e professores para ajudar na formação de seus filhos, netos e alunos; Sobriedade – esse trabalho com abordagem distinta, destina-se especialmente às pessoas em processo de recuperação pelo uso e abuso de álcool e outras drogas; Amor-Exigentinho – proposta voltada para o público infanto-juvenil que utiliza os Princípios Básicos do Programa de forma lúdica, clara e objetiva, visando auxiliá-lo a adotar atitudes responsáveis e saudáveis; Sempre É Tempo – focado nos adultos da Melhor Idade que muitas vezes passam pela “síndrome do ninho vazio” ou com o desafio de cuidar dos netos enquanto os pais trabalham e/ou estudam.

Sobre a FEAE
A FEBRAE- Federação Brasileira de Amor-Exigente – teve sua fundação instituída em 18 de novembro de 1984. Surgiu da necessidade de congregar os grupos que vinham atuando na linha do Programa Amor-Exigente (AE), de modo a favorecer maior eficiência e melhores resultados.
Com o alto nível de credibilidade do Programa, mais e mais grupos de ajuda mútua, para dependentes químicos e familiares, foram-se instalando. Assim, para preservar a integridade da proposta de trabalho com Amor-Exigente, sua linha de funcionamento e objetivos, foi instituída a FEBRAE.
Em 2009, com a criação do Novo Estatuto, o nome da federação mudou para FEAE – Federação de Amor-Exigente , acolhendo assim os grupos que nasceram fora do país e ampliando as fronteiras para a atuação do movimento. A sede da FEAE é em Campinas, SP.

Clínica evangélica para drogados

Atendimento 24hs

(11) 4175-0727

(11) 96474-1518 (Vivo/Whatsapp)